Como falar e ouvir de forma precisa e salvar o seu relacionamento?

Casal que necessita falar e ouvir
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Você quer aprender como falar e ouvir de forma precisa? Então este texto é perfeito para você.

De acordo com a Teoria DISC, proposta por William Marston, todos nós somos formados por quatro perfis comportamentais. São eles:

  • Dominante;
  • Influente;
  • Estável;
  • Conforme.

Esses perfis auxiliam a todos sobre como flexibilizar-se em determinadas situações, pois, de acordo com a teoria, as pessoas que são mais voltadas para falar sentem-se mais à vontade para colocar seus pensamentos para o público.

Já as pessoas voltadas para ouvir, são mais observadoras, e acabam abrindo mão da sua opinião para se adaptar a um relacionamento.

Como salvar o seu relacionamento?

Para salvar o seu relacionamento, é necessário alinhar a sua comunicação para com o seu parceiro ou parceira.

As piores brigas que você já teve com a pessoa que você ama poderiam ter sido amenizados ou até eliminados se você soubesse o PERFIL COMPORTAMENTAL de quem você gosta.

A verdade é que as pessoas se atraem, mas muitas vezes (muitas mesmo) não conseguem se entender.

De 0 a 10, o quanto as brigas no seu relacionamento começam por causa de coisas muito pequenas, simples, e que no final você nem entende o porquê, de fato, começaram?

E quantas dessas brigas são eliminadas quando você toma a atitude de buscar compreender o outro lado?

Existe uma diferença, concorda? Mas esse ganho não é NADA perto do que você ainda pode vivenciar. Acredite!

Por isso, se você quer aprender mais sobre como falar e ouvir de forma precisa e virar a chave do seu relacionamento, confere só o vídeo da nossa diretora Iane Parente.

Receba mais conteúdos

Digite seu email no campo abaixo para receber os melhores conteúdos. Te enviaremos periodicamente: Artigos, Vídeos, Dicas e Materiais.

Compartilhe esse post com seus amigos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin